quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Érica


Ela ri
Que chora
– Ela se dá
Que nem parece
Que é ela!
E diz que chora
Pra não parar de rir
Porque ela ri
Que ama
Com a boca
Ela finge dizer tudo:
Mas quando chora
Não finge
E ama
Sem parar de rir...
Ela diz tudo
Sem saber mentir
Porque ri com os olhos
Cansados de chorar
Sem contar pra ninguém
E chora
Porque além do riso e do gozo
Ela sabe amar também
E ri como ninguém
Sem contar para quem
É seu riso, seu gozo, seu choro
Seu amor
É todo dele
Pois ela ama
Que ri
Que goza com seu corpo todo
Sem gozar
Sem rir ou chorar
Com mais ninguém!

(Teu...)

19 comentários:

. fina flor . disse...

que fofo..... a pessoa deve ter adorado =]

beijos, flor

MM.

>>> gosto de gente assim, como 'ela'

Marcelo Mayer disse...

é como sem fantasia do chico buarque com maria bethania. sua enumeração ficou perfeita! direta! como pede seu próprio figurino

Dilberto L. Rosa disse...

Quem escreveu isso pra ti deve te amar muito mesmo... Emoldura! Beijo.

Poeta de um mundo caduco... disse...

Nossa que lindo...
Ri, chora, se entrega e o melhor de tudo: AMA...
Intensamente... AMA...
Perfeito.
BjO.

Renata Braga disse...

É tu né.... nossaaa!Que descrição babe! rs


Lindooo!

Beijoooo

Canto da Boca disse...

Então essa é a definição, a receita mais que perfeita da Érica? Adorei!

Beijo!

cн૯ℓуηнα disse...

Ameiii ficou show aposto que ela
tbm tenha adorado.

Bjinhooss

Sarah Slowaska disse...

Adorei conhecer essa Érica! Adorei mesmo! Parabéns a quem escreveu, e parabéns a ti por seres este redemoinho de emoções tão belo e singular.

beijinhos

Fabricante de Sonhos disse...

Menina Linda! Bela Érica.... Escritora!

Como é bom voltar auqi e ler sesu escritos...
Vc joga com as palavras de uma maneira muito peculiar e tem uma dinâmica... Um ritmo. É lindo de ler...
Parece até que dá pra ouvir!

Parabéns por mais esse texto lindo...Lindo... Lindo...

Aiiiii! Tão bom estar de volta!

Beijos mágicos e ótimo final de semana!

Ferdi disse...

Me lembrou que certa vez uma amiga disse "Você é o tipo de pessoa que jamais conseguira mentir", perguntei por que e ela respondeu "Seus olhos não deixam".

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Érica,

Ela ama simplesmente porque sabe amar... e quando você escreve assim, encanta até o choro e seu riso.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Daniel disse...

Há coisas que de tanto ser essa coisa viram outra. Engraçado como isso ocorre.
Muito positivo o que escreveu, pois todo ser humano também é contraditório.
Real.
Beijos

Katrina disse...

Me senti ela

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Todo domingo mando uma música pra começar bem a semana, então espero que esse embalo vá de encontro ao seu coração.

http://www.youtube.com/watch?v=AkrPJMX1a70

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

A Magia da Noite disse...

plena entrega.

Melanie B. disse...

Isso se encaixa muito bem no "Quem sou eu" de um certo site de relacionamento que faço tbm parte!!! rs

Adoreiiiiiiiiiiiiiiiiii!!

_________ /*

Estar de luto por alguém que ainda tem vida é terrível, sinto que perco um grande amor.Mas sei que sobreviverei.
_____________/*

Assim que tiver xance ti adicionarei no msn com o mair prazer do mundooooooooooooooo!Fiquei contente com seu pedido menina!!Um Grande bjo e obrigada pela força!!!!!!!!!!

:D

Fabiele disse...

Dizem que quem se descrece se limita. Não concordo ao pé da letra. Vc se descreveu de modo
feliz e ilimitado.
P.S: ADOREI!

José Viana Filho disse...

Que poema Erica!!!

E pelo q esta escrito vc deve ser uma mulher bem interessante!!

Salve Jorge disse...

Ele ri
Sem demora
Que ela se dá
E ele devora
Tanto que parece
Ela
Uma tela
Aquarela
Borrada do choro
E da bossa
Desse rir
Que sai de ti
Dama
Que ama
Louca
Toda boca
Infinito sorrir
Que diz tudo
Deixa esse aqui mudo
Quase que o rosto molho
Nesse só rir dos teus olhos
Que faz querer bem
Um alguém
Que como ninguém
Saber ser riso e gozo
Sabe num outrém fazer pouso
E dizer até eu ouso
Ser Deusa de um amor também...